buscar
´

NASA deve construir um telescópio gigante no lado oculto da Lua

A proposta é construir um telescópio em uma cratera natural do lado escuro da Lua de 3 a 5 km de diâmetro, através de vários robôs DuAxel, que amarrariam, suspenderiam e ancorariam uma malha de 1 km de diâmetro dentro da cratera, tornando-a o “maior radiotelescópio de abertura cheia do Sistema Solar”.

Tecnologia
5 meses atrás
NASA deve construir um telescópio gigante no lado oculto da Lua

Esse é um projeto do roboticista do JPL (Laboratório de Propulsão à Jato da NASA) Saptarshi Bandyopadhyay, da qual a Nasa concedeu um financiamento adicional de US$ 120 mil para a equipe de Bandyopadhyay desenvolver a fase 1 e levar a ideia adiante.

Será possível?

NASA financia proposta para construir um telescópio gigante no lado oculto da Lua
NASA financia proposta para construir um telescópio gigante no lado oculto da Lua

A NASA tem um programa de iniciativa chamado Innovative Advanced Concepts (NIAC), no qual os colaboradores são incentivados a apresentar ideias “fora da caixa” para “mudar o que é possível no espaço”. Foi daí que surgiu a proposta do grande telescópio lunar, que poderia ser usado para espionar os primeiros dias do cosmos, a fim de beneficiar astrônomos e cosmólogos, que o usariam para estudar o universo primitivo como ele existia a 13,8 bilhões de anos atrás, incluindo a formação das primeiras estrelas.

Diagrama mostrando a posição do LCRT em relação à Terra (sem escala). Crédito: Saptarshi Bandyopadhyay
Diagrama mostrando a posição do LCRT em relação à Terra (sem escala). Crédito: Saptarshi Bandyopadhyay

Saptarshi Bandyopadhyay chama o projeto de Telescópio de Rádio da Cratera Lunar (LCRT), serão três fases de pesquisa. “O objetivo da fase 1 do NIAC é estudar a viabilidade do conceito LCRT”, disse Bandyopadhyay ao Gizmodo. “Durante a fase 1, nos concentraremos principalmente no projeto mecânico do LCRT, buscando crateras adequadas na Lua e comparando o desempenho do LCRT com outras ideias que foram propostas na literatura.”

Ainda não há estimativa de tempo para construir o LCRT, no entanto Saptarshi Bandyopadhyay diz que sua equipe teria uma ideia melhor assim que a fase 1 fosse concluída. Muita tecnologia ainda será precisa para tornar a proposta possível, pois nas definições da Nasa a tecnologia necessária para o LCRT está atualmente em um nível de desenvoltura considerado praticamente baixo.

“Não é possível observar o universo em comprimentos de onda superiores a 10 metros, ou frequências abaixo de 30 MHz, a partir de estações terrestres, porque esses sinais são refletidos pela ionosfera da Terra”, disse Bandyopadhyay.

Como o LCRT seria construído. Crédito: Saptarshi Bandyopadhyay
Como o LCRT seria construído. Crédito: Saptarshi Bandyopadhyay

“Além disso, os satélites que orbitam a Terra captariam um ruído significativo da ionosfera da Terra”, e é por isso que “essas observações são muito difíceis”.

*Com informações do Gizmodo.

Shopee é confiável? Loja online chega ao Brasil; veja como comprar
Na China e inclusive no Vietnã, Malásia, Filipinas e Tailândia,a Shopee faz muito sucesso, é a maior rival do Wish, AliExpress e de outras lojas chinesas. No Brasil a Shopee...
Whatsapp muda politica de privacidade, tá sabendo?
Confira a nova política de privacidade do whatsapp e veja o que...
Veja como usar o aplicativo FGTS da Caixa no seu celular
Desenvolvido pela Caixa Econômica Federal, o aplicativo já foi baixado milhares de vezes desde seu...
Os navegadores reinventaram tudo na internet
E não demorou muito para que o Google, utilizando o Webkit, fizesse o seu navegador próprio: O Google Chrome, que hoje é amplamente o navegador mais utilizado no mundo inteiro...
Uboi: novo app para revolucionar o transporte de gado
Serviço oferecido pela JBS, entenda...

O Fusne é um site para quem ama internet, nós somos especializados em testar apps e tudo mais que envolve tecnologia. O que você vai encontrar por aqui é escrito por humanos, que vivem fazendo compras online, assim como você, então entende as suas dificuldades e felicidades nessas horas. O material do Fusne é testado várias e várias vezes pela equipe...